• Luiz Fernando Arêas

ALGUMAS LIÇÕES DA GENEALOGIA DE JESUS

Bom dia.


Leia Mateus 1.1-17

A foto mostra um dos vários papiros existentes do Novo Testamento. A primeira palavra grega é Βίβλος (livro, registro). Não temos nenhum papiro original da Bíblia, mas há milhares de cópias. De longe, a Escritura é o texto mais bem documentado da História.


Vejamos algumas lições sobre a genealogia de Jesus, a porção das Escrituras que dá boas-vindas ao leitor do Novo Testamento.


Deus sempre cumpre suas promessas. Deus prometera a Davi que sempre haveria um descendente dele no trono de Israel. Davi viveu 1.000 anos antes de Cristo. Deus prometera e Abraão que através dele todas as famílias da terra seriam abençoadas. Abraão viveu 2.000 anos antes do Salvador. Não há nenhuma promessa de Deus que tenha caducado.


A graça de Deus não é hereditária. Nesta lista de quase 50 nomes, temos cinco mulheres, alguns dos piores homens do mundo e quatro homens piedosos, que foram pais de filhos perversos (Roboão, Jorão, Amom, Jeconias).


Grande é a misericórdia e a compaixão de nosso Senhor Jesus Cristo. Nesta lista também temos ilustres desconhecidos, estrangeiros e pessoas com histórias tristes e vergonhosas.

Deveríamos ler esta relação de nomes com um sentimento de gratidão.


Os nossos pecados talvez tenham sido tão graves como os pecados de algumas pessoas mencionadas por Mateus. Entretanto, tais pecados não podem fechar o céu para nós, se nos arrependermos com sinceridade e confiarmos no evangelho.


Se Jesus não se envergonhou por nascer de uma mulher, cuja árvore genealógica continha nomes como de alguns daqueles sobre quem podemos ler hoje, então certamente não devemos pensar que Ele haveria de envergonhar-se por chamar-nos irmãos (Hebreus 2.11) e conferir-nos a vida eterna.


Como escreveu um querido amigo, 'esta genealogia mostra que, apesar de alguns personagens cheios de "defeitos", saiu o "Perfeito", o Maior, o Rei dos Reis"!'


Obrigado, Senhor!

91 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo